Minha Jornada Me Libertando da Google

Publicado em 11 Abr 2020

"Não seja mau, e se você vir algo que você pensa que não está certo, diga!"
— Código de Conduta da Google

Deixa eu começar dizendo o seguinte: Eu NÃO odeio a Google! Talvez seja até o oposto, eles têm bom hardware, bom software, seus serviços funcionam decentemente bem e fazem parte da vida de muitas pessoas ao redor do mundo, talvez não da vida de algumas pessoas na Coréia do Norte ou na China, mas você entendeu o que estou querendo dizer.

O Problema

O problema com a Google é, pense bem, eles são uma empresa privada com a liberdade de lançar e parar de dar suporte a qualquer serviço ou software que eles decidirem, existe até um cemitério virtual para todos os projetos que eles não trabalham mais.

Agora, imagine se, depois de anos usando os serviços da Google e, acredite, são tantos que você pode até estar usando algo deles sem nem saber, eles decidem parar de dar suporte àquele serviço ou a qualquer outro. Isso, por si só, já seria ruim o suficiente se não fosse também pelas várias questões éticas e de privacidade relacionadas a empresa.

A Solução

Como dizem por aí: "Basta!", eu decidi remover a Google da minha vida, me libertar do ecossistema deles, mesmo que as chances de removê-la completamente sejam mais baixas do que eu gostaria de admitir. De todo jeito, eu venho tentando encontrar alternativas para, pelo menos, os principais serviços que uso, sabe como é né, qualquer coisa é melhor que nada.

Pra mim, o design é um "algo a mais" mas não é o essencial, eu gosto de ferramentas simples mas que seja totalmente funcionais. Eu não me importo em usar uma ferramenta relativamente "feia" desde que ela me forneça todos os recursos que preciso. Eu também acredito que uma das coisas mais difíceis para a maioria das pessoas é a pressão social, familiares, amigos e, as vezes, colegas de trabalho, usando os serviços da Google e menosprezando seus esforços.

Dito isto, não deixe de voltar aqui nos próximos dias, eu vou postar sobre as alternativas que escolhi até agora para substituir os produtos da Google e se (ou como) essas escolhas afetaram a forma com a qual trabalho.

Você está planejando se libertar da Google?

Tenha em mente que esta não é uma tarefa fácil, quanto mais você estiver dentro do ecossistema deles, mais difícil será de se libertar. Se você tiver alguma sugestão ou quiser compartilhar a sua experiência, não hesite em entrar em contato comigo, será um prazer ler seus comentários.

Quer deixar um comentário?

Mesmo que a seção de comentários não esteja disponível, sinta-se à vontade para entrar em contato comigo e me falar o que você acha dessa postagem.